Tem gente que fica abrindo o armário toda hora sem acreditar que é verdade aquilo do armário cheio“. Essa é uma das muitas mensagens que temos recebido dos territórios onde chegaram as 3.072 cestas básicas que distribuímos até agora, onde chegarão as outras 1.165 que já foram compradas. Um total de 84 toneladas de alimentos, em 4.237 cestas básicas. Cada uma com cinco quilos de arroz, três litros de óleo, três quilos de feijão, além de leite em pó, farinha de mandioca, fubá, macarrão, milho verde, sal, açúcar, café, e outros itens para lanches. “O povo tem comentado muito a qualidade da cesta.” Junto com ela, uma caixa menor com quinze itens de higiene e limpeza, dentre eles, água sanitária, sabão, detergente, sabonete, papel higiênico.

Exigimos participar das decisões econômicas que possam assegurar emprego e renda digna ao povo preto e periférico. Mas enquanto lutamos por direitos, não podemos ver as nossas e os nossos passando fome ou sem condições mínimas de atravessar esse período de pandemia.

A campanha de arrecadação, que está na plataforma da Vakinha desde o dia 20 de março,   já arrecadou mais do que a meta de 270 mil reais da segunda fase da campanha, além de quase 186 mil reais depositados.

Foram distribuídos:

. 3.072 cestas básicas, somando 45 toneladas de alimentos.
. 3558 marmitas
. 200 pacotes de fralda
. 133 litros de leite
. 200 latas de leite em pó
. 350 ovos de pascoa
. 258 kits de chocolates
. 250 kits lanches

Além de 18.658 ítens de higiene, foi repassado o apoio financeiro para despesas básicas para professorxs, estudantes, coordenadorxs de núcleos da Uneafro e militantes dos movimentos e entidades parceirxs.

Até a metade de abril de 2020, mais de 15 mil pessoas de 39 territórios foram beneficiadas pela campanha de apoio imediato às famílias negras, indígenas, imigrantes e periféricas no enfrentamento ao COVID 19.

Outras 1.165 cestas já estão a caminho, além de equipamentos de proteção individual para voluntárias e voluntários. E a construção do projeto piloto de uma ducha solidária móvel, para que pessoas em situação de rua possam tomar banho.

Muito obrigada a quem contribuiu!

Seguimos exigindo emprego, renda digna, saúde, moradia, educação ao povo preto e periférico. Mas enquanto lutamos por direitos, não podemos ver as nossas e os nossos passando fome ou sem condições mínimas de atravessar esse período de pandemia.

Como as dificuldades continuam, e os casos de coronavírus, infelizmente, se multiplicam, precisamos manter a campanha.

 

Faça parte: doe!

As formas de contribuição na campanha permanecem. Ou seja, você pode doar de três maneiras:

 Campanha online, via plataforma Vakinha. Clique aqui para acessar.

 Doação via Paypal. Clique aqui para acessar.

• Transferência bancária
Banco do Brasil
Agência: 1202-5
Conta corrente: 74414-X
Titular: Associação Franciscana de Defesa de Direitos e Formação Popular – AFDDFP
CNPJ: 11.140.583/0001-72

Qualquer outra dúvida ou sugestão, entre em contato pelo email: uneafrobrasil@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code